Santuário de Fátima rejeita acusações de maus-tratos a animais

Tenho isto, onde se pode clicar
 
e mais isto
 
mas vai tudo parar ao mesmo e nada foi confirmado nem desmentido. São notícias que nunca chegam a bom porto – são levantadas e assim morrem.
Já é costume neste país onde tudo se abafa.
Existe num destes links um comentário que diz: «onde há fumo há fogo» e eu acredito que sim.
Não me custa acreditar que os seguranças do santuário o façam. Aquilo virou um negócio importante, e a terra vive das lembranças que vende aos visitantes e dos quartos que lhes aluga. A Igreja faz fortunas com o que oferecem à Nª Sª de Fátima. É o vale tudo!!!!!
Tem que estar limpo e livre de animais, errantes ou não, pois não se podem incomodar os visitantes.
Mas a gente pode ver pelas ruas e estradas de Portugal os animais abandonados e desprezados sem que as Câmaras façam alguma coisa ou se importem muito com isso.
Não quer dizer que não façam recolhas, ou isto virava um caos ainda maior, mas se a gente telefona e pretende deixar um animal que encontrou, esteja ou não em mau estado, eles respondem que não recebem nem tratam. São poucas as excepções camarárias!
Portugal é um país do 3º mundo convencido que é evoluído. Mas é tão evoluído como a religião católica que nos impingem desde pequeninos.
Cada dia que passa me transtorna mais esta nossa religião de igrejas cheias de quem anda, cá por fora, a maltratar os outros ou indiferente aos problemas de cada um, mesmo que sejam vizinhos.
--------
Laura
 
Sent: Wednesday, August 11, 2010 10:53 PM
 
A A A  Portugal

Santuário de Fátima rejeita acusações de maus-tratos a animais

http://www.anda.jor.br/?p=80179 

11 de agosto de 2010

O Santuário de Fátima rejeitou hoje (11) as acusações de maus-tratos a animais, que classificou de falsas e caluniosas, admitindo agir judicialmente contra os autores da campanha difamatória” que visa “denegrir” a sua imagem.

Em comunicado, a propósito de uma manifestação agendada para domingo de manhã, em Fátima, Portugal, pelo Partido Pelos Animais (PPA) “contra os maus-tratos aos animais no santuário”, o reitor da instituição garante que “são falsas e caluniosas as acusações amplamente divulgadas na Internet, segundo as quais, por ordem da reitoria do santuário de Fátima, são maltratados ou assassinados os cães ali encontrados”.

Segundo o PPA, “seguranças (do santuário) capturam regularmente todos os cães que encontram, com ou sem tutor, e amontoam-nos numa gaiola nas traseiras do santuário, onde são deixados durante dias, ao sol e à chuva, sem comer nem beber, até que a Câmara Municipal de Ourém os venha buscar para serem sacrificados”.

Com informações do Expresso 

*TAGS são temas do blog :
publicado por LauraBM às 00:43